John Lennon e Freddie Mercury têm bastante coisas em comum. Os dois são britânicos, donos de vozes incríveis e super talentos, além de terem nos deixado cedo demais. Mas não é só isso. Você sabia que uma música do Queen foi escrita para o ex-beatle?

Quando Lennon morreu, a banda liderada por Mercury estava no processo de criação do álbum “Hot Space”, um dos mais polêmicos trabalhos da banda por trazer uma sonoridade um pouco mais pop.

A notícia do falecimento do músico é claro que chocou o mundo, inclusive Freddie Mercury, que decidiu compor “Life Is Real (Song for Lennon)”, uma das melhores músicas do disco lançado em 24 de maio de 1982, dois anos depois da morte de John Lennon.

A música foi uma das poucas do Queen que teve primeiro a letra, depois a música. A letra foi composta durante uma viagem de avião, quando Mercury pediu uma caneta emprestada para escrever o trecho “c*nt stains on my pillow” ou “marcas de p*rra no meu travesseiro”. A versão suave é mais leve: “Marcas de culpa no meu travesseiro”.

Além de chamar Lennon de gênio, há outras homenagens na faixa, como o piano tocado por Mercury, que lembra bastante “Imagine” e “Jealous Guy”. Embora o astro do Queen tenha feito praticamente uma música “Lennon fake”, ele não queria que houvessem comparações.

VEJA:   Um passeio pelos bastidores de Star Wars

“Nunca quero ser colocado em nenhum paralelo com John Lennon”, revelou Mercury. “Porque ele é o melhor. E não é uma questão de quem tem mais ou menos talento. É só que certas pessoas são capazes de fazer algo melhor que outras. E não sou capaz de fazer certas coisas que John Lennon fazia. Ninguém consegue.”