Um dos maiores fotógrafos de todos os tempos acaba de se tornar o primeiro brasileiro a fazer parte da Academia de Belas Artes, do Instituo da França. Trata-se do grande Sebastião Salgado, conhecido por seus retratos únicos, captando aqueles que são “invísiveis” pelo olhar da sociedade.

Na cerimônia de posse, que aconteceu na última quarta-feira (6), Sebastião não conseguiu segurar as lágrimas e em vários momentos deixou a emoção tomar conta. Ele integra uma das quatro cadeiras da seção de fotografia da academia, lugar que anteriormente era do francês Lucien Clergue, seu amigo, morto em 2014.

“Foi emocionante. Poder participar da cultura francesa e ter como herança minha cultura brasileira é algo fantástico”, contou em entrevista ao jornal O Globo.

VEJA:   O experimentalismo de Noell Oszvald

Abaixo, fique com alguns dos seus registros: