Muitas pessoas não sabem, mas antes de Stanley Kubrick se tornar um grande cineasta e eternizar obras como ” O Iluminado” e “Laranja Mecânica nas telonas, ele experimentou várias áreas, entre elas, a fotografia.

Em 1945, Kubrick era apenas mais um adolescente em Nova York procurando emprego. Quando teve acesso a uma câmera, lá pelos seus 17 anos, descobriu um novo mundo. Era possível eternizar momentos, registrar cenas para a posterioridade, e isso o fascinava.

“Eu acho que gravar a ação espontaneamente, ao invés de clicar uma imagem com cuidado, é o uso mais válido e expressivo da fotografia”, disse certa vez.

VEJA:   A beleza libertadora dos bailarinos nus, por Jordan Matter

Para que você possa conhecer um pouco desse lado quase desconhecido de Kubrick, reunimos diversos de seus registros. Todas as imagens foram tiradas entre 1945 e 1950, numa época onde trabalhou na Revista Look.

Confira!