Segundo pesquisas do IPEA (Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada), mais de 100 mil pessoas se encontram em situação de rua aqui no Brasil. Com a chegada do inverno, e sem ter como se aquecer, esses moradores passam por madrugadas de puro terror.

Pensando em ajudar essas pessoas, o projeto Meias do Bem pretende transformar 40 toneladas de meias velhas em 40 mil cobertores. A ideia surgiu em 2013 e é idealizada pela marca Puket.

Em 6 anos, mais de um milhão e 600 mil doações de meias ajudaram a esquentar moradores de rua do país todo. Junto com os cobertores, a marca também distribui um par de meias para contribuir nessa rede de solidariedade e sustentabilidade.

VEJA:   Sebastião Salgado torna-se o primeiro brasileiro a integrar a Academia de Belas Artes da França

“Quem nunca perdeu um pé de meia ou ficou apenas com uma furada na gaveta sem saber o que fazer? Nós encontramos uma utilidade e reenchemos uma lacuna social ajudando a fazer o bem a milhares de pessoas em situação de rua”, explica Luiz Yada, analista de Trade Marketing da Puket.

Todas as 160 lojas da marca espalhadas pelo Brasil contam com caixas para recolher as peças usadas ou rasgadas, que depois serão lavadas e recicladas. São necessários 40 pares de meia para confeccionar um cobertor novinho.

A ação já ajudou mais de 20 milhões de pessoas, e pode continuar crescendo com a sua contribuição.

Sem mais artigos