Talvez, não tenhamos muito costume de consumir o forró como ritmo musical, de repente, em festas ou depois de umas belas doses de catuaba estamos alí batendo coxa.

Mas uma coisa que podemos perceber, não é de hoje, e não sabemos o motivo, várias canções, famosas ou não, várias músicas gringas, conhecidas ou não, ganham versões, traduções livres e muitos nomes de patrocinadores (risos).

Algumas vezes você vai se pegar ouvindo um vizinho colocando um forró e vai falar assim: “Eu conheço essa música”, porém as letras e traduções não irão bater. Assim aconteceu com o funk também em seu início, parece ser algo comum na busca por identidade e consagração desses tipos de gênero.

VEJA:   MTV Unplugged do Nirvana vai ser lançado em vinil

Separamos uma listinha de matches bem arretados pra vocês:

Meu anjo azul ou Because of You, da Kelly Clarkson

E que tal essa versão de Empire State of Mind, da Alicia Keys?

Fica aí a versão da Paulinha Abelha e Marlus de Rolling in the Deep

Alejandro, de Lady Gaga, virou Alexandre

Sweet Child O’ Mine pra bater uma coxa