A Netflix anunciou que vai transformar o clássico “Cem Anos de Solidão”, de Gabriel García Márquez, em uma série. A empresa adquiriu recentemente os direitos da obra e revelou que ela será gravada na Colômbia, somente com atores latinos.

Desde seu lançamento, em 1967, essa será a primeira vez que o romance é adaptado para o audiovisual, mas várias outras propostas já haviam sido recusadas pela família do autor. Em entrevista ao The New York Times, Rodrigo García, filho do colombiano disse que não acreditava que apenas um filme conseguisse contar toda a história e que gostaria de uma adaptação em espanhol, o que espantou gigantes de Hollywood.

“Nos últimos três ou quatro anos, o nível de prestígio e sucesso de séries e minisséries cresceu muito. A Netflix foi uma das primeiras empresas a provar que as pessoas estão mais dispostas em assistir a séries que sejam produzidas em línguas estrangeiras e tenham legendas. Tudo que parecia ser um problema não é mais um problema”, revelou Rodrigo.

VEJA:   Filme do diretor de 'Azul é a Cor Mais Quente' exibido em Cannes é chamado de 'pornográfico'

O livro, que já foi traduzido para 46 idiomas e vendeu mais de 50 milhões de exemplares, é considerado uma das maiores obras da literatura latino-americana, alçando Gabriel García à condição de grande autor do século XX.

O que se sabe até agora é que Rodrigo e Gonzalo García, os filhos do escritor, serão produtores-executivos do projeto, mas ainda não temos informações sobre o elenco, número de episódios ou data de estreia.