Em 12 de abril de 1961, acontecia um dos maiores eventos do século 20. Yuri Gagarin, a bordo da Vostok 1, que tinha 4,4 m de comprimento, 2,4 m de diâmetro e pesava 4725 kg, se tornava o primeiro homem a viajar ao espaço.

Recentemente, no aniversário de 55 anos desse marco histórico, um artista resolveu homenagear o grande Gagarin. Só que ao invés de pintar um quadro, criar uma escultura ou desenhar seu rosto, o cara responsável pela obra resolveu utilizar mais de 5 mil parafusos. Isso mesmo, 5 mil!

VEJA:   A verdadeira natureza humana

O processo não é muito fácil. Marat Nabi, o artista russo criador do projeto, conta que a criação é dividida em várias etapas. Primeiro, é preciso desenhar o que você quer na madeira e perfurar os parafusos a uma certa altura para que ganhem relevo. Depois, você vem com pincel e tinta e cria o efeito desejado.

Resumindo: nada fácil e bem trabalhoso, mas o resultado final vale a pena.

Confira!